top of page
thumbsNz.png


Projeto Jangada de Pau
do imaterial ao virtual

Exposição “Jangada de Pau – Do Imaterial ao virtual”, proposta do Núcleo Zero contemplada no prêmio Eris Maximiano – Edital das Artes – da Prefeitura de Maceió. Filme  selecionada para o VII Festival Internacional do Filme Etnográfico do Recife, 

CARTAZ jangada de pau-01.jpg


Documentário Jangada de Pau
30min, 2015.
Produção Núcleo Zero
Realização IPHAN/AL

SINOPSE

Herança pré-histórica, a jangada de pau é parte integrante da imagem do litoral brasileiro. A proibição da retirada do pau de jangada, matéria prima para sua construção completamente artesanal, extinguiu a embarcação, hoje substituída pelas atuais jangadas de isopor. Este documentário é uma salvaguarda de um conhecimento que, inevitavelmente, está prestes a desaparecer.

Registro audiovisual do modo de fazer jangadas tradicionais, ação de salvaguarda que visou a elaboração de um vídeo etnográfico sobre o processo de construção da “jangada de pau”. O objetivo da iniciativa foi documentar este importante saber histórico, quase em extinção, além de incentivar e transmitir o conhecimento dessa arte para as novas gerações.

Tema relacionado: Projeto Velas telas

ID-Velas-Telas-2022--aplicacao.png

O estúdio de criação Núcleo Zero é responsável pela produção de conteúdo, programação visual e projeção mapeada do projeto Arte em Movimento - Velas e Telas, desde sua primeira edição. O trabalho envolve uma equipe composta por editores, motion graphics, animadores e artistas digitais que transformam a obra de artistas visuais alagoanos num espetáculo de puro encantamento.

 

Idealizado por Mirna Porto Maia, e realizado pela Ponto de Produção, o Arte em Movimento - Velas e Telas conta com patrocínio do Magazine Luiza por meio da Lei de Incentivo à Cultura.

bottom of page